A empresária cearense Francisca Alda, conhecida como Chiquita, proprietária do restaurante Barraca da Chiquita no Rio de Janeiro e em Niterói, recebeu Comenda Internacional da Divine Académie Française des Arts Lettres et Culture, de Paris, no dia 10/12, em Copacabana. O título honorífico de embaixadora da gastronomia e cultura reuniu embaixadores de várias partes do mundo e a presidente da Divine Académie Française des Arts Lettres et Culture com sede em Paris.

Essa missiva foi anunciada pela comissão superiora de recompensas da Divine Académie que a condecorou com as suas mais altas insígnias pelos seus relevantes serviços prestados às artes, à gastronomia e à sociedade, nestes 40 anos de atuação na capital carioca.

A empresária cearense Francisca Alda, foi condecorada com a medalha de ouro da Divine Académie e o título honorífico de embaixadora da gastronomia e cultura.

Segundo a presidente da academia, madame Diva Pasevi, jornalista editora e curadora franco brasileira, em 25 anos de trabalhos da academia, foi a primeira vez que uma condecoração ocorreu fora da cerimônia solene no Copacabana Palace, no Rio de Janeiro ou no George V, em Paris, tudo para que o restaurante Barraca da Chiquita, seja também evidenciado já que trata-se de um reduto de cultura nordestina.  A cerimônia solene da Divine Académie Française des Arts Lettres et Culture, aconteceu no dia 10 de dezembro de 2019, às 20h, no restaurante Barraca da Chiquita, na rua Santa Clara, 33, Copacabana, Rio de Janeiro.

Na quarta-feira, dia 11/12, a Divine Académie Française des Arts Lettres et Culture teve a honra de apresentar a vernissage das obras de arte de artistas plásticos, esculturas, pinturas, livros e fotografias provenientes de várias partes do mundo, no Museu Histórico do Exército, no Forte de Copacabana.

Neste evento cultural, o nordeste foi muito bem representado pela Barraca da Chiquita. Os participantes tiveram a oportunidade de conhecer nossa rica cultura nordestina através da arte, culinária, música e dança.  Peças de arte do acervo da Barraca estão expostas na vernissage. Tapiocas quentinhas preparadas na hora e de vários sabores foram servidas aos convidados, que ainda puderam dançar ao som da sanfona do trio do forró com a participação do casal de dançarinos de quadrilha.

O Restaurante Barraca da Chiquita completou 40 anos de tradição no Rio de Janeiro, é um espaço para os clientes se sentirem no Nordeste num ambiente rústico e de muita alegria, com decoração típica, muita música boa, histórias, literatura de cordel, objetos e lembranças proporcionando uma viagem à cultura nordestina.

« 1 de 2 »

 

NitNegócios