DVD dirigido por Ney Matogrosso, “Laila Garin e A ROda Ao Vivo” é a nova turnê da banda que traz no repertório do show novos compositores, releituras consagradas, e um medley em homenagem a Elis Regina.

O Teatro Municipal de Niterói recebe nos dias 26 e 27 de abril, Laila Garin e A ROda apresentando o novo DVD dirigido por Ney Matogrosso. Laila Garin (voz), Ricco Viana (guitarra e violão) e Rick De La Torre (bateria) juntos formam a banda Laila Garin e A Roda, que acompanhados de Lancaster (baixo),  mostram canções do álbum e do DVD, de compositores consagrados como Caetano Veloso (Não me arrependo), Alceu Valença (Na primeira manhã), Roberto e Erasmo Carlos (As curvas da estrada de Santos), Chico Buarque (Deus lhe pague), Milton Nascimento e Fernando Brant (Conversando no bar/San Vicente), além de novos compositores como Renato Luciano (Flor da Ilusão), Juliano Holanda (Não me deixe) e Dani Black (Sonhos Pintados de Azul). É um projeto de intérprete, ao mesmo tempo muito autoral. “Gosto de reforçar que esse não é um trabalho solo de uma cantora, mas sim de uma banda, coletivo em todos os sentidos”, sintetiza. Os arranjos são todos feitos pelos quatro integrantes da banda.

Conhecida do grande público por sua performance marcante em Elis, Laila Garin decidiu incluir no roteiro desse show um medley extraído de outro espetáculo, no qual canta sucessos de Elis ao lado da ROda, que vem arrebatando plateias nos teatros por onde já passou. O público vai ouvir canções como ‘Como Nossos Pais’, ‘Upa Neguinho’, ‘Conversando no Bar’ e ‘Ponta de Areia’, entre outras, em novas versões e arranjos originais da ROda. No repertório do show, ainda tem a versão de ‘Você passa eu acho graça’, sucesso na voz de Clara Nunes (Carlos Imperial/Ataulfo Alves), gravado por Laila e A Roda, para a trilha da novela ‘Segundo Sol’ da Rede Globo, exibida em 2018.

 Sobre Laila Garin

Atriz e cantora, formada pela Escola de Teatro da UFBA em Canto lírico e popular e Mímica Corporal Dramática. Em Salvador, estreou profissionalmente com José Possi Neto em A Casa de Eros e foi indicada ao prêmio Copene de melhor atriz coadjuvante por O Tempo e os Conways.

Atualmente, protagoniza o musical Gota D’Agua a Seco, adaptação de Rafael Gomes para o clássico de Chico Buarque e Paulo Pontes e está em cartaz no cinema interpretando Clara Nunes, no filme ‘Chacrinha O Velho Guerreiro’. Em São Paulo, trabalhou como atriz e preparadora vocal da Casa Laboratório, Cia de Cacá Carvalho, e também com Luiz Carlos Vasconcelos. Está no ar na série ‘3 %’, da Netflix, como Marcela e segue em turnê com sua banda no show Laila Garin e A ROda, dirigido por Ney Matogrosso. Protagonizou Elis, o Musical, de Nelson Motta, com direção de Dennis Carvalho.

Laila recebeu o Prêmio Cesgranrio de Melhor Atriz em Musical 2017, o Botequim Cultural de Melhor atriz em Musical, em 2017, e a indicação de Melhor Atriz no Prêmio APTR e APCA. Prêmios Shell e APCA de Melhor Atriz, Cesgranrio e Bibi Ferreira de Melhor Atriz de Musical, entre outros. Prêmio Botequim Cultural de Melhor Atriz 2015, por Selminha, em O Beijo no Asfalto, o musical com direção de Joao Fonseca. Indicação ao Prêmio Cesgranrio de Melhor Atriz em Musical. Intérprete do documentário ‘Chico-o Artista’ e o ‘Tempo’, sobre Chico Buarque, dirigido por de Miguel Faria Jr , além da série Nelson 70, do Canal Brasil. Em 2013 e 2012, atuou em ‘Gonzagão, a Lenda’, de João Falcão. Desde 2010, faz o musical ‘Eu te Amo Mesmo Assim’, de João Falcão.

No cinema, atuou em ‘Chacrinha, o velho Guerreiro’, com direção de Andrucha Waddington, ‘Macabro’, com direção de Marcos Prado, e     Eu Me Lembro de Edgard Navarro, além do curta ‘Um Outro Ensaio’, levando prêmios de melhor atriz nos festivais de Blumenau e Triunfo. Na TV Globo, participou da série ‘Sob Pressão’, de Jorge Furtado, além das novelas ‘Rock Story’ (nota 10 de PatriciaKogut), ‘Babilônia’, ‘Malhação’ (2018) e como intérprete da trilha da série ‘Amorteamo’. Participou dos programas ‘Criança Esperança’, ‘A Grande Família’, ‘Louco Por Elas’, ‘Força Tarefa’, entre outros.

Por Nelson Motta

“Mais que uma grande atriz que canta muito bem, ou uma excelente cantora que atua brilhantemente, Laila é um integração perfeita do canto e da atuação numa artista completa, de personalidade intensa e técnica apurada, mostrando seu estilo rigoroso e elegante, com sua voz doce e sensual e suas interpretações arrebatadoras de um repertório de alto nível. Uma das minhas cantoras favoritas.”

SERVIÇO:

Laila Garin e A ROda

Datas: 26 e 27 de abril

Horário: 20 horas

Duração: 80 min

Classificação etária: Livre

Ingresso: R$ 70,00

Local: Teatro Municipal de Niterói

Endereço: Rua XV de Novembro, 35, Centro, Niterói

Tel: 2620-1624

NitNegócios