O Teatro Popular Oscar Niemeyer apresenta, em agosto, na sua programação virtual, Festival Black In, Festival Meio-Fio, teatro, música, bastidores no TPON, além de live ao vivo no local com a “Sinfônica Ambulante”, estão entre outras atrações, que vão levar uma boa dose de diversão a todos. Diversidade cultural, homenagem a músicos consagrados – como João Donato – divulgação da arte local, apresentação de peças e monólogo fazem parte do cardápio artístico do teatro. Para conferir a programação, basta acessar as redes @teatroniemeyer.

PROGRAMAÇÃO DA SEGUNDA QUINZENA DE AGOSTO DO TEATRO POPULAR OSCAR NIEMEYER:

Festival Black In

O Festival Black In é um projeto nascido em Niterói e idealizado para divulgar e conectar coletivos, artistas e produtores culturais da região metropolitana do Rio de Janeiro. O espaço foi pensando para difundir a cultura de periferia e em especial o hip-hop, a fim de promover a diversidade cultural mostrar o trabalho de dezenas de jovens que buscam seu espaço na cena artística das cidades.

 Poly Moreno

Música

Dia 21 de agosto, sexta, às 20h

*Essa apresentação será gravada no teatro

Formato: Vídeo

Instagram e facebook

Poly Moreno, cantora e compositora de 23 anos, chega na cena mostrando toda a sua força, com voz e composições afiadas. Em 2019, lançou as músicas “Há quem diga” e “Se permita”. Enquanto trabalha na criação de seu álbum de estreia, produzido por Agravanti em parceria com Marciano, a artista vem se destacando realizando participações em trabalhos.

Black in convida: Gato Petit

Música

Dia 28 de agosto, sexta, às 20h

Formato: Vídeo

Instagram e facebook

 Idealizado por Adelia Sant’Anna, a confeitaria Gato Petit, chega para apresentar receitas que você pode fazer em casa. Confeiteira do próprio negócio desde 2013, Adelia busca traçar um caminho totalmente independente do fornecimento de doces no intuito de decorar festas e aquecer corações. No meio dessa caminhada, seu trabalho permitiu a oportunidade de cursar na área e alcançar a especialização e, assim, levar seu trabalho a pessoas que acreditam nele, trabalhando com produtos artesanais e feitos à mão em toda a sua produção.

 Festival Meio Fio

O Festival Meio-Fio é um evento musical periódico, que tem como objetivo fomentar e

divulgar a arte independente local para todos os cantos da cidade. Há alguns anos,

difundem projetos autorais e independentes de forma urbana, itinerante e adaptável aos ambientes das apresentações. Nesta edição, o festival será feito de forma virtual e dividido em três quinta-feiras diferentes e apresentado nas redes sociais do Teatro Popular Oscar Niemeyer.

 Amanda Respicio

Música

Dia 20 de agosto, quinta, às 20h

Formato: Vídeo

Instagram e facebook

Título da Programação: Uma voz…

Amanda Respicio é cria da música, com grande influência no rock. Crescendo entre músicos e criando um catálogo de ídolos de todas as épocas, descobriu o seu dom natural de compor e tocar vários instrumentos, sobretudo o canto. Vivendo a música com bandas e conjuntos por onde passou e que marcaram profundamente a sua história, Amanda mostra em seu mais novo trabalho musical as influências que o Rock e Blues e o Soul trazem em suas autorais e em sua voz.

BANDA CONCRETO ARMADO

Música

*Essa apresentação será gravada no teatro

Dia 27 de agosto, quinta, às 20h

Formato: Vídeo

Instagram e facebook

Formada desde 2015, a Concreto Armado nasceu em São Gonçalo e se constitui como banda autoral e independente. Inspirados no velho rock n’ roll como atitude e influenciados pelo flow do rap, a levada do funk e a distorção do metal, o grupo possui composições que refletem sobre o cotidiano e suas contradições. O quinteto, que já produziu os EPs “Quem Quer Manter a Ordem” (2015) e “Cicatrizes” (2019), atualmente está trabalhando no seu próximo trabalho. Seus integrantes são Julius Brito (voz), Luiz Augusto (guitarra), Mayco Barroso (guitarra), Felipe Gonçalves (Baixo) e Raphael Teixeira (bateria).

Arraiá da Sinfônica Ambulante e Silvério Pontes

Música

Dia 16 de agosto, domingo às 16h

Formato: Live no facebook

Formada em Março de 2011, a partir do encontro de amigos músicos das mais variadas influências, a Sinfônica Ambulante sempre quis fazer arte de livre acesso ao ocupar espaços públicos com muita música e diversão. Desde então, o grupo faz jus ao seu nome e leva o seu som para onde a música mandar, seja nos ensaios abertos semanais que foram iniciados na Praça do Cinema Icaraí, ou em suas apresentações mensais por praças e parques de Niterói, Rio e interior do Estado. Com releituras musicais próprias, o repertório do grupo faz o público dançar e cantar do início ao fim. O Arraiá da Sinfônica surge como um evento temático do grupo e, junto com o São João do Oscar, compõe a programação das festas caipiras do Teatro Popular Oscar Niemeyer. Sucesso de público em 2017, este ano ocorrerá de forma virtual nas mídias digitais da casa. Nesta edição, o Arraiá da Sinfônica convida Silvério Pontes, um trompetista apaixonado pelo que faz e com uma trajetória que se confunde com a música brasileira.

3° circuito de teatro adulto ATACEN

A ATACEN, em parceria com a Secretaria das Culturas, Fundação de Arte de Niterói e o Teatro Popular Oscar Niemeyer, realiza no mês de agosto de 2020 o 3° circuito de teatro adulto. Este ano, devido à pandemia, o circuito será realizado online com cenas curtas. Todas as apresentações serão gravadas no Teatro Popular.

 4 CENAS E 4 ATORES do espetáculo SHAKESPEARE, William

Teatro

Dia: 15 de agosto, sábado, às 19h

Formato: Vídeo

Instagram e facebook

SHAKESPEARE, William é um espetáculo teatral que participou das comemorações mundiais acerca dos 400 anos da morte do maior autor de teatro de todos os tempos. Aos moldes do teatro elisabetano, as encenações são realizadas apenas por homens, que revezam-se entre narradores e os mais representativos personagens dos dramas, tragédias e comédias escritas pelo dramaturgo. Para o projeto da ATACEN, mostraremos 4 monólogos adaptados: Timão de Athenas (Juliano Antunes); Otelo (Marcos Ácher); Noite de Reis (Sérgio Di Paula); e Macbeth (Amaury Lorenzo). Assim, multiplicam-se as homenagens ao teatro, reverenciando seu autor de maior relevância e seu grande protagonista: o ator.

Sete Pecados & Um Casal

Teatro

Dia: 22 de agosto, sábado, às 19h.

Formato: Vídeo

Instagram e facebook

Dentro do imaginário religioso, não há pecado mais grave ou menos nocivo. No entanto, se fosse possível eliminar apenas um dos sete pecados capitais, qual deles seria excluído? Nessa esquete, o casal Eduardo e Maura refletem sobre esse dilema, pesando os prós e contras de cada um e promovendo uma reflexão sobre os deslizes humanos.

Diário de um louco – Willy Roessler

Teatro

Dia: 23 de agosto, domingo às 19h

Formato: Vídeo

Instagram e facebook

Criado a partir do conto homônimo de Nikolai Gogol, o monólogo narra a vida de um funcionário público que, em sua existência pobre e solitária, apaixona-se pela filha do seu chefe. Inconformado e confuso, Arkseny decide perseguir o animal de estimação da jovem. Para escapar da pequenez de sua vida, cria para si um mundo de fantasia e uma outra identidade, que cresce e ganha vida até se tornar um rei. A esquete provoca o telespectador a refletir sobre as causas sociais da loucura, o abismo entre a vida possível e a idealizada e o rompimento com a realidade.

 A Lua de Roma – Reinaldo Dutra

Teatro

Dia: 29 de agosto, domingo às 19h

Formato: Vídeo

Instagram e facebook

 Inspirado no conto “Solfieri”, de Álvares de Azevedo, a esquete conta a história de um jovem que, embriagado pelas ruas de Roma, se apaixona por uma mulher morte. Entre divagações e delírios, o homem reflete sobre a vida e a morte, realidade e fantasia e a brevidade da existência. O conto, que faz parte do livro “Noite na Taverna”, também aborda a questão da finitude pela literatura e traz ao palco somente o ator e alguns objetos, como forma de fazer ver o íntimo do personagem e sua linguagem corporal.

A carne ainda lhe é fixa nos ossos – Sílvio Moura

Teatro

Dia: 30 de agosto, domingo às 19h

Formato: Vídeo

Instagram e facebook

Baseado nos oráculos míticos das lendas de povos antigos, uma criatura sobe ao palco e anuncia os horrores que o futuro reserva para a humanidade. A cena busca refletir sobre o destino, a (in)capacidade de alterá-lo e a esperança. O que fazer enquanto a carne ainda lhe é fixa nos ossos?

Tributo a João Donato – Bloco Emoriô

Música

Dia: 25 de agosto, terça, às 20h

Formato: Vídeo

Instagram e facebook

 O Bloco Emoriô – um bloco nagô presta homenagem ao músico acriano João Donato no seu aniversário de 86 anos, em 17 de agosto. Emoriô é formado por alguns dos melhores instrumentistas brasileiros e que já estiveram nos palcos e estúdios acompanhando Donato, como José Arimatéa (trompete), Ricardo Pontes (saxofone) e Robertinho Silva (bateria).

 Bastidores: Por Dentro da Caixa Cênica

Tour On-line

Dia: 26 de agosto, quarta, às 19h

Episódio: Maquinário e Palco, modos de ocupação.

Apresentador por: Lucia Martinusso e Maycon Soares

Formato: Vídeo

Instagram e facebook

*Episódio gravado no Teatro Popular

Dando continuidade ao circuito de apresentações da estrutura do Teatro Popular Oscar Niemeyer, o episódio deste mês irá mostrar a manutenção do maquinário da sala de espetáculos e as diferentes formas de utilização da caixa cênica. O vídeo terá duração de aproximadamente cinco minutos e apresentará as dimensões do palco italiano e as possibilidades de exibição (interna ou externa, voltado para a Praça do Povo). O maquinário da área também será revelado, desde os sistemas de luz e som até a operação das rotundas.

 

NitNegócios