Atriz e cantora de Jazz & Blues, Taryn Szpilman sobe ao palco do Teatro Municipal de Niterói nos dias 3 e 4 de outubro, quinta (19h) e sexta (20h), para cantar e contar histórias de um dos maiores ícones da cultura pop, Marilyn Monroe, no espetáculo musical teatralizado “Marilyn, Luz & Sombras”. Com direção teatral de Maria Pia Sconamilio e musical de Cláudio Infante, no espetáculo ela passeia pelos standards de Jazz que Marilyn interpretou em musicais cinematográficos hollywoodianos da década de 50, assim como canções de personagens íntimos que ilustraram a sua trajetória, como Frank Sinatra e a amiga e diva do Jazz Ella Fitzgerald, além de temas que a homenageiam do Rock & Roll à Bossa Nova.

A dramaturgia, criada por Anna Cristina Campagnoli, revela uma Marilyn que poucos conhecem, na sua dualidade de luz e sombras, pois apesar de ser uma das maiores estrelas e símbolo sexual do mundo, foi emocionalmente instável e frágil, lutando por toda a sua vida contra os seus fantasmas internos e vícios, consequência do seu histórico de abandono. Por outro lado, Marilyn também foi uma mulher culta e politizada, que se posicionou de forma pioneira na indústria de celebridades contra o machismo, o racismo e pró minorias, além de ter sido uma atriz com talento acima da média, apesar da imagem limitada criada para ela.

Sobre Taryn Szpilman

Taryn traz em seus espetáculos uma performance vocal vigorosa influenciada pelas grandes divas da música, aliada à estética das atrizes do cinema clássico de Hollywood das décadas de 40 e 50. Alcançou destaque como a maior intérprete feminina de Jazz & Blues no Brasil, escalada nos grandes festivais do gênero anualmente, sempre acompanhada por renomados instrumentistas.

Quinta geração de uma família de grandes músicos e maestros, Taryn é citada por Roberto Menescal, como a cantora de maior emissão vocal do Brasil, por Jô Soares como a melhor interpretação de Billie Holiday que ele já viu, além de colecionar inúmeros elogios da crítica especializada sobre seus shows e discos.

A cantora gravou 4 CDs solo, destacando-se o seu mais recente “Nouveau Vintage Café”, que tem entre seus convidados, desde jazzistas americanos a exímios sambistas brasileiros, flertando com tendências contemporâneas como o trip hop, e electro swing, além de celebrar canções do blues de raiz. Tem em suas experiências internacionais, a gravação de um disco em 2003, produzido a convite do guitarrista da mitológica banda The Police, Andy Summers, realizado em seu estúdio em Los Angeles, Califórnia.

Entre as suas mais recentes performances na teledramaturgia, Taryn foi convidada pelo diretor Jayme Monjardim para atuar na novela das 6 da Rede Globo de 2017, “Tempo de amar”. O Clássico do Jazz “Thou Swell”, interpretado por Taryn, foi o tema da personagem de Regina Duarte e seu Cabaret. Em 2018, interpretou a canção “Mais que o tempo”, na novela de época “Orgulho e Paixão”, na Rede Globo, tema da personagem Jane.

FICHA TÉCNICA

Direção Teatral: Maria Pia Sconamilio

Direção Musical: Cláudio Infante

Texto: Anna Cristina Campagnoli

Com Samuel Ramos (contra Baixo e trombone) e Lulu Martin (piano)

Cláudio Infante / Diretor musical e baterista reverenciado com uma trajetória de 40 anos na MPB, gravando e acompanhando ao vivo em turnês mundiais Alceu Valença, Rita Lee, Ney Matogrosso, Lulu Santos, Djavan, Marisa Monte e Kid Abelha, banda da qual fez parte nos anos 80 como artista. Ministra também workshops de bateria e ritmos brasileiros pelo Brasil afora, patrocinado pelas tradicionais marcas Pearl e Zildjian.

Maria Pia Sconamilio / Primeira coach da TV brasileira, jornalista e escritora, pesquisa o corpo, a expressão e a teatralidade há 40 anos. Escreveu uma tese sobre as relações dos músculos e as emoções que foi lida pela prestigiada diretora de cinema e TV Tizuka Yamasaki. Conduziu diversos filmes, minisséries, programas de TV, novelas e uma parceria que durou 16 anos com a diretora. Recentemente dirigiu a atriz Suzana Vieira no monólogo “Água Viva”, de Clarice Lispector.

Anna Cristina Campagnoli / Atriz, escritora, participou de inúmeras montagens teatrais, novelas, e trabalhou anos como assistente de direção de Bibi Ferreira.

SERVIÇO

Taryn Szpilman, em “Marilyn, Luz & Sombras”

Data: 03 (quinta) e 04 (sexta) de outubro

Horário: quinta, às 19h; e sexta, às 20h

Ingressos: R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia)

Duração: 75 minutos

Classificação indicativa: 14 anos

Local: Teatro Municipal de Niterói

Endereço: Rua Quinze de Novembro, 35 – Centro

Tel: 2620-1624

NitNegócios